Projeto Pedagógico

Perfil de Egresso

O Curso de Geologia da UFBA deve formar profissionais que tenham o seguinte perfil:

  • sólida formação básica, privilegiando o conhecimento integrado dos processos geológicos;
  • formação interdisciplinar que integre estudos teóricos e práticos, técnicas de análise e desenvolvimento experimental e tecnológico, relacionados com as Ciências da Terra;
  • capacidade de adaptar-se às demandas do mercado e aptos a aprender a aprender;
  • capacidade de lidar com áreas específicas do saber de acordo com suas tendências e vocações;
  • capacidade de dimensionar no espaço e no tempo temas e objetos de estudo;
  • capacidade de elaborar modelos dinâmicos qualitativos e quantitativos;
  • capacidade de integrar dados de diversas fontes;
  • capacidade de desenvolver raciocínio analógico;
  • capacidade de raciocinar com processos geológicos em diversos ambientes e escalas, simultaneamente;
  • capacidade de desenvolver raciocínio seqüencial, compreendendo as diversas fases de evolução dos materiais geológicos;
  • capacidade de dominar a linguagem técnico-geológica e utilizá-la na comunicação com outras profissões e com a sociedade;
  • capacidade de utilizar as ferramentas tecnológicas mais avançadas;
  • apresentar comportamento ético, autônomo, crítico, criativo, empreendedor, político, na busca de soluções de questões de interesse da sociedade;
  • manifestar consciência para a importância da geologia no desenvolvimento do ser humano.

Objetivos do Curso

O Curso de Geologia da UFBA tem os seguintes objetivos:

  • formar profissionais para atuar na prospecção, exploração, avaliação e gerenciamento dos recursos hídricos, recursos minerais metálicos e industriais e hidrocarbonetos - petróleo e gás natural, indispensáveis ao desenvolvimento do país;
  • formar profissionais para atuar na área de meio ambiente , desenvolvendo ações de diagnóstico e caracterização ambiental, monitoramento, controle, manutenção e recuperação da qualidade ambiental. Trata-se de um setor que vem crescendo assustadoramente nos últimos anos, face à maior conscientização da sociedade a respeito da problemática ambiental, bem como a busca da qualidade ambiental das empresas devido às exigências da legislação em vigor;
  • formar profissionais aptos para o ensino das Ciências da Terra no 2º e 3º graus;
  • formar profissionais que possam subsidiar a elaboração e execução de determinados projetos e pesquisas no campo das engenharias - de minas, civil, sanitária, bem como em determinados setores da agricultura e medicina;
  • formar profissionais que possam participar da elaboração e execução de projetos de uso e ordenamento do espaço físico urbano.

Organização do Curso

  • Grau a ser concedido: Geólogo
  • Duração do Curso: 9 (nove) semestres

Conteúdo Disciplinares

  • Componentes Curriculares Obrigatórios (OB)
  • Componentes Curriculares Optativos/Profissionalizantes (OP)
    • Área de Petróleo e Gás
    • Área de Recursos Hídricos
    • Área de Geologia Ambiental
    • Área de Recursos Minerais
  • Atividades Complementares (AC)
  • Componentes Curriculares Optativos Livre (OL)
  • Componentes Curriculares de Nivelamento (DN)
  • Tópicos Especiais em Geologia

Estruturação Geral do Currículo

O novo currículo de geologia foi elaborado a partir das Resoluções 02/00 e 05/03 do Conselho de Coordenação e da Câmara de Ensino de Graduação da UFBA, respectivamente, bem como das Diretrizes Curriculares para os Cursos de Graduação em Geologia e Engenharia Geológica, preparadas por uma comissão de especialistas do MEC. Este último documento, embora sem aprovação formal do Conselho Nacional de Ensino, tem norteado as reformas curriculares mais recentes dos cursos de geologia do país.

Deste modo, com base na legislação federal e normas da UFBA, o currículo proposto foi estruturado em grupos de Componentes Curriculares (OB), Optativos/Profissionalizantes (OP) e Atividades Complementares (AC). O primeiro é constituído de conhecimentos básicos imprescindíveis a qualquer profissional de geologia, independente da área de conhecimento que pretenda atuar. O segundo grupo é constituído de disciplinas optativas profissionalizantes, distribuídas em quatro áreas de atuação profissional: Petróleo e Gás Natural, Recursos Hídricos, Recursos Minerais e Geologia Ambiental. O grupo das Atividades Complementares inclui atividades extra-curriculares diversas, de caráter obrigatório, tais como programas de iniciação científica, monitoria, estágio e cursos. O currículo contempla ainda Componentes Curriculares de Nivelamento (DN) com o propósito de auxiliar o estudante a superar as deficiências de matemática e física provenientes do ensino fundamental e médio, o grupo de Componentes Curriculares Optativos Livre (OL) que objetiva ampliar a formação cultural do estudante com outras áreas do conhecimento, independente da sua opção do curso e Componente Curricular Tópicos Especiais em Geologia que objetiva criar espaço para professor visitante na instituição ministrar disciplina, todos de caráter optativo, a depender de sua área de conhecimento.

Requisitos para a Obtenção do Grau de Geólogo

O aluno deverá cursar com aprovação todos os componentes curriculares obrigatórios (3550 horas) - incluindo três estágios de campo e uma monografia de final de curso- pelo menos quatro componentes curriculares pertencentes ao módulo optativo profissionalizante (272 horas) e pelo menos um componente curricular do módulo optativa livre (68 horas), totalizando no mínimo 3822 horas para integralizar o curso de graduação em geologia. Vale salientar que os componentes curriculares de matemática, física e química podem ter suas cargas horárias alteradas, uma vez que os respectivos departamentos ainda estão reformando os seus cursos. Dessa forma, a carga horária total do curso de graduação em geologia poderá ser minimizada.

Sistema de Avaliação e Acompanhamento

A implantação do novo currículo de Geologia deverá ser acompanhada de medidas visando concretizar as mudanças propostas e melhorar o nível de formação do alunado.

No campo dos conteúdos não geológicos (Matemática, Física e Química) pretende-se buscar uma maior aproximação com os professores dessas áreas para, quando possível, relacionar seus conteúdos com situações existentes nas Ciências da Terra.

Por outro lado, os conteúdos geológicos obrigatórios e optativos serão construídos sob a liderança da coordenação do curso que deverá criar comissões de docentes de áreas de conhecimento afins, com o propósito de elaborar programas modernos e integrados.

Finalmente, os objetivos e conteúdos das disciplinas do currículo serão disponibilizados via internet para conhecimento dos estudantes que serão estimulados a acompanhar os tópicos ministrados, bem como avaliar sistematicamente a qualidade dos assuntos lecionados.

Plano de Adaptação Curricular

Equivalências Interdisciplinares

As modificações processadas no novo currículo do Curso de Geologia atingem todos os alunos ingressos na UFBA a partir de 2004. Todavia, boa parte dessas mudanças envolverá alunos anteriores, principalmente os ingressos em 2003. Em razão disso, o processo de adaptação curricular para os estudantes admitidos até 2003 será simples e envolverá os seguintes casos listados abaixo. A tabela 1 mostra de forma resumida o Plano de Adaptação Curricular e equivalências.

CASO 1
MAT 198 – FUNDAMENTOS DE MATEMÁTICA ELEMENTAR I –A - 102 h - 1º semestre

Componente curricular de caráter opcional/nivelamento, com objetivo de auxiliar o estudante a superar as deficiências de matemática provenientes do ensino fundamental e médio. O componente curricular poderá ser utilizada por todos os alunos do curso de graduação em geologia e sua carga horária não será computada para integralização curricular.

CASO 2
GEO A - FUNDAMENTOS DE FÍSICA PARA GEOLOGIA - 34h - 1º semestre

Também de caráter opcional/nivelamento com objetivo de auxiliar o estudante a superar as deficiências de física proveniente do ensino fundamental e médio. Como no caso anterior, este componente curricular poderá ser utilizada por todos os alunos do curso de graduação em geologia e sua carga horária não será computada para integralização curricular.

CASO 3
GEO 305 - TOPOGRAFIA E DESENHO GEOLOGICO - 68h - 3º semestre

  • 3.1 Os alunos que cursaram GEO 042 – Topografia Aplicada a Geologia, mas ainda não cursaram GEO 043 Desenho Geológico até 2005.1, terão que cursar GEO 305 – Topografia e Desenho Geológico.
  • 3.2 A partir de 2005.1 os componentes curriculares GEO 042 – Topografia Aplicada a Geologia e GEO 043 Desenho Geológico serão definitivamente substituídas por GEO 305 Topografia e Desenho Geológico.

CASO 4
GEO 306 – BIOLOGIA E PALEONTOLOGIA - 102h - 3º semestre

  • 4.1 Os alunos que ainda não cursaram GEO 040 – Geobiologia até 2005.1, terão que cursar GEO 306 - Biologia e Paleontologia.
  • 4.2 Os alunos que cursaram com aprovação GEO 040 – Geobiologia, mas ainda não cursaram GEO 041- Paleontologia I-A até 2005.1, também deverão cursar GEO 306- Biologia e Paleontologia.
  • 4.3 A partir de 2005.1 os componentes curriculares GEO 040-Geobiologia e GEO 041-Paleontologia I-A serão definitivamente substituídos por GEO 306- Biologia e Paleontologia.

CASO 5
COMPONENTES CURRICULARES DE GEOLOGIA DE CAMPO

A partir de 2006.1, somente serão oferecidas os componentes curriculares GEO 307 – Geologia de Campo I, GEO 310 Geologia de Campo II e GEO 314 – Geologia de Campo III para todos os estudantes do curso de geologia em substituição a GEO 060 – Geologia de Campo I-A, GEO 061- Geologia de Campo II-A, GEO 062- Geologia de Campo III-A e GEO 063 Geologia de Campo IV-A.

CASO 6
GEO 308 - FOTOGEOLOGIA E SENSORIAMENTO REMOTO - 85h – 5º semestre

A partir de 2006.1 todos os alunos do curso de geologia deverão cursar GEO 308 - Fotogeologia e Sensoriamento Remoto em substituição a GEO 051- Fotogeologia e Interpretação de Imagens.

CASO 7 - GEO 309 – GEOPROCESSAMENTO E GEOESTATÍSTICA - 102h – 6º semestre

  • 7.1 Os alunos que ainda não cursaram GEO 044- Processamento de Dados em Geociências até 2006.1, cursarão GEO 309 – Geoprocessamento e Geoestatística.
  • 7.2 Os alunos que cursaram com aprovação GEO 044 - Processamento de Dados em Geociências, mas ainda não cursaram GEO 059 – Introdução aos Sistemas Georeferenciados até 2006.1, também deverão cursar GEO 309 – Geoprocessamento e Geoestatística.
  • 7.3 A partir de 2006.2 os componentes curriculares GEO 044 – Processamento de Dados em Geociências e GEO 059 – Introdução aos Sistemas Georeferenciados serão definitivamente substituídas pelo componente curricular GEO 309 – Geoprocessamento e Geoestatística.

CASO 8
GEO 311 – GEOLOGIA DOS RECURSOS MINERAIS - 102h – 8º semestre

A partir de 2007.2 todos os alunos do curso de geologia deverão cursar GEO 311 – Geologia dos Recursos Minerais em substituição a GEO 053 – Geologia Econômica e GEO 048 – Recursos Energéticos I.

CASO 9
GEO 312– MÉTODOS DE PROSPECÇÃO - 68h – 8º semestre

A partir de 2007.2, todos os alunos do curso de geologia deverão cursar GEO 312– Métodos de Prospecção em substituição a GEO 054 – Prospecção e Avaliação de Jazidas.

CASO 10
geo 313 – ECONOMIA E ADMINISTRAÇÃO DOS RECURSOS FÍSICOS DA TERRA - 51h – 9º semestre

A partir de 2008.1, todos os alunos do curso de geologia deverão cursar GEO 313 – Economia e Administração dos Recursos Físicos da Terra em substituição a GEO 058 – Economia e Administração dos Recursos Minerais.

INTEGRALIZAÇÃO DE CARGA HORÁRIA

Os alunos anteriores a 2004 que de alguma forma foram envolvidos pelo Plano de Adaptação Curricular proposto e, por consequência ficaram com carga horária total inferior a do currículo de 1997 (última reestruturação curricular) poderão integralizá-la a partir das seguintes alternativas:

  1. através de atividades extra curriculares, fazendo uso da Resolução 03/95 da Câmara de Ensino de Graduação da UFBA;
  2. através de componentes curriculares optativos.

Plano de Adaptação Curricular / Equivalências S

CASOS COMPONENTES CURRICULARES DO CURRÍCULOANTERIOR COMPONENTES CURRICULARES DO CURRÍCULO NOVO
1 - MAT 198 - Fundamentos de Matemática Elementar, 102h, DN
2 - GEO A - Fundamentos de Física para Geologia, 34h, DN
3 GEO 042 - Topografia Aplicada a Geologia, 60h, CM e GEO 043 - Desenho Geológico, 60h, CM GEO 305 - Topografia e Desenho Geológico, 68h, OB
4 GEO 040 - Geobiologia I-A, 60h, CM e GEO 041 - Paleontologia I-A, 60h, CM GEO 306 - Biologia e Paleontologia, 102h, OB
5 GEO 060 - Geologia de Campo I-A, 75h, CO Sem equivalência
GEO 061 - Geologia de Campo II-A, 90h, CO GEO 307 - Geologia de Campo I, 85h, OB
GEO 062 - Geologia de Campo III-A, 105, CO GEO 310 - Geologia de Campo II, 102h, OB
GEO 063 - Geologia de Campo IV-A, 135, CO GEO 314 - Geologia de Campo III, 136h, OB
6 GEO 051 - Fotogeologia e Interpretação de Imagens, 105h, CM GEO 308 _ Fotogeologia e Sensoriamento Remoto, 85h, OB
7 GEO 044 - Processamento De Dados Em Geociências, 75h, CM E GEO 059 - Introdução Aos Sistemas Georreferenciais, 60h, CM GEO 309 - Geoprocessamento e Geoestatística, 102h, OB
8 GEO 048 - Recursos Energéticos, 60h, CM e GEO 053 – Geologia Econômica, 90h, CM GEO 311 - Geologia dos Recursos Minerais, 102h, OB
9 GEO 054 - Prospecção e Avaliação de Jazidas, 90h, CM GEO 314 - Métodos de Prospecção, 68h, OB
10 GEO 058 - Economia e Administração de Recursos Minerais, 45h, CO GEO 313 - Economia e Administração dos Recursos Físicos da Terra, 34h, OB

Tabela 1- Casos de equivalência entre os componentes curriculares do curriculo anterior e o proposto. CM- Currículo Mínimo, DN - Componente Curricular de Nivelamento; CO - Currículo Obrigatório; OB - Componente Curricular Obrigatório.